Acredito que lhe falta cola

image

Começo agora uma história engraçada,  não daquelas de gargalhadas mas daquelas que você ri pela desgraça.
Lhe confesso que me apaixonei por olhos verdes e um sorriso bobo. De pequena estatura mas de profundo olhar. Teus beijos suaves e doces me encantaram, teus dedos entrelaçados aos meus me envolveram de tal modo que foi difícil esquecê los.
Mas como a vida é travessa, não senti mais o calor de teu corpo, por tempo sofri com a falta. Essa dor só passou no momento que o vi com ela…
Em minha cabeça não vinha tristeza pela perda mas por ter sido ela e não eu.
Duvidei de mim mesma, cheguei a acreditar que nada eu merecia. E dessa angústia veio o fim de meu sofrimento.
Já que vi que você não é tudo que imaginava, é você o estranho que me fechou o corpo no dia seguinte que me teve nos braços.
E fez o mesmo com ela.

Espero conhecer mais amigas como vocês

São boas essas que lhe falam na cara seus erros mas não lhe viram a cara, que falam como amam e como querem seu bem, lhe dão abraços de olhos fechados daqueles que lhe prendem a respiração.
São essas que quando você grita “Gente!” vêm logo ouvir aquilo que tanto quer falar.
São amigas assim como vocês que me fazem querer corresponder ao máximo o carinho e a atenção.
Obrigada mesmo por me ensinarem assim que existem pessoas que me amam e que não é preciso pedir carinho à ninguém já que amor vem do coração não de obrigação.

Decisões

Tenho refletido muito ultimamente, penso sobre minhas decisões se as fiz de maneira imprudente, impulsiva, se estas me condenam algo que não gostaria se ser.
Por homens, quantas vezes já não me frustrei e levei dessas decepções críticas à mim mesma? De inocente à vulgar, de quantas maneiras já violei meus princípios?
Estava agora a me condenar por ter dado àquele que me machucou a chance de se redimir – ele não agiu de forma alguma diferente – mas não vou lamentar. Suas ações foram se repitindo e eu não caí novamente. A raiva imediata se tranformou em pena, é triste ver que falta lhe coragem, responsabilidade, autonomia, entre muitas outras coisas que era de se esperar de um adulto.
Indo mais longe, quantas são as pessoas que se responsabilizam sobre seus atos? Quantos não têm coragem de decidir?
Concordo que possam ser aterrorizante as consequências, mas o aprendizado não é essencial?
É preciso quebrar a cara às vezes, arriscar naquilo que tenha uma probabilidade de dar errado, fazer aquilo que lhe de vontade, mas acho necessário também ter consideração pelo outro, suas ações dificilmente refletirão apenas em sua vida…
Sinto o que todos sentem: o medo de agir. O futuro é um mistério, mas lamentar o passado e não viver o presente lhe trará também alguma consequência.

Fracasso eminente

Como já posso estar na beira do abismo se a corrida só começou agora? Hoje mal consegui levantar minha cabeça e olha que sonhava que seria um dia de glória.
Por que me forçar a aprender algo que não quero? Por que é preciso que me mate para entender coisas que só ao ficar um ou dois anos sem ver esquecerei?
Acho ridículo isso. Chega a ser cruel… Sofro tanto.
Sim, sofro! Não diga que estou sendo exagerada! Essas coisas acabam comigo! Me dão mal estar, irritação, tristesa… Acabam com minha paz.
Não estou mais aguentando…