Expectativas

Essa não foi a primeira e nem será a última que me apego à expectativas.
Encontro conforto em sonhos, meros desejos guardados em minha mente, neles crio histórias. Romances geralmente…
E por que faço isso? Me pergunto enquanto começo a desenvolver essas ilusões. No fim, serão decepções sem sentido.
Como sempre aquele o qual fico magoada não tem culpa destes meus pensamentos mas me chateio mesmo assim por ele não seguir o meu roteiro.
Não compreendo porque minha mente faz isso todas as vezes, é algo tão masoquista.
Me incomoda essa forma como meu corpo agi… Será que faço propositadamente?

Anúncios

Confissão

Contarei um segredo: sou insegura.
Tenho muitos medos, a maioria tem a ver com perder as pessoas que amo.
Várias coisas me enfraquecem: comentários, expressões, simples olhares… E muitas vezes quando algo assim me atinge tento ignorar, falo para mim mesma “Você está exagerando”. Tento me convencer com estas palavras mas serei sincera, não confio nelas.
É estranho isso, não? Eu não acredito em mim mesma.
Gostaria de entender o porquê destes meus pensamentos tão tristes… Gostaria que eles não existissem.

Minhas discussões

Tenho medo de dizer o que penso porque temo que seja verdade. Existe uma parte de mim que acredita que eu esteja enganada mas todo resto insisti: E se não?
E então respondo: Provavelmente não…
Agora me pergunto: Por que insiste?
Serei sincera, penso em dizer: Porque é a única coisa que apareceu.
Mas acredito que se for essa a resposta, eu realmente deva desistir. E é por isso que não digo. Acho que não quero abrir mão…
Agora me veio em mente: Abrir mão do que? Disso!? O que realmente é isso? Ou melhor, isso existe?
E assim acaba minha discussão, já que “Não sei” não é resposta.